Carlos Brando

Nome do Jogo

Adeus Windows

Sempre fui um “cliente” do Bill Gates. Comecei minha carreira profissional com o Visual Basic 4 e meu primeiro contato com um computador foi usando o DOS. Depois fui pulando de versão para versão do Windows, até o dia que descobri o Rails.

Antes disto eu já admirava a Apple, mas nunca me passou pela cabeça comprar um mac, talvez pelo preço, que é mais salgado que o de um PC comum. Comecei a reparar que muita gente da comunidade Rails usava mac e defendia o uso. Isto me deixou um pouco curioso, e confesso, com uma tremenda vontade de fazer parte deste time. Mas o preço ainda continuava sendo um empecilho.

Mas por um motivo de força maior (espero eu que tudo dê certo) fui obrigado a sair do Windows e tinha duas opções: virar cliente do titio Jobs ou ir para o Linux.

Agora vou correr atrás do meu bendito MacBook, mas mesmo antes dele chegar tomei uma decisão, preciso sair do Windows de vez. Tio Bill, muito obrigado por todos estes anos de convivência, mas preciso sair de casa e respirar novos ares. Para cumprir com minha decisão retirei definitivamente o Windows do meu notebook e instalei o Ubuntu, por recomendação de alguns amigos.

Já tinha brincado com o Linux antes, mas na época não gostei. Depois, me aventurei pelo Unix na faculdade e aprendi alguns comandos básicos o que com certeza será muito útil agora.

Agora, o que me deixou mais impressionado é como eu pude ser tão cego por tanto tempo? O Ubuntu é simplesmente perfeito. A instalação foi tão simples quanto uma instalação do Windows. E quero deixar claro que não tenho quase nenhuma experiência com o pinguim.

É impressionante a facilidade com que tudo aconteceu! Peguei o domingo para instalar o Ubuntu e já tinha planejado passar o dia todo configurando o sistema, pesquisando na internet e enchendo a paciência de amigos para tirar dúvidas. Logo depois da instalação, a primeira dúvida: como configurar a minha conexão com a internet? Oba, tem um ícone de ajuda no painel superior… opa… a primeira opção é exatamente o que eu estava procurando. Em menos de 5 minutos e lá estava eu com acesso a internet.

Quem nunca usou o Linux, talvez não acredite, mas em menos de 3 horas eu estava com meu sistema inteiro configurado, com o Rails e o MySQL instalado e funcionando, e gravando um DVD. Em outras palavras eu já não estava mais configurando nada, já estava usando meu sistema como se nada tivesse acontecido. E tudo isso sem torrar a paciência de ninguém.

Ainda tenho muita coisa à aprender, mas pelo visto será muito mais fácil do que imaginei. A única coisa que não consegui fazer foi colocar o Beryl para rodar, quando eu o executo meu monitor vira uma tela em branco. Minha placa de vídeo é ATI, tem gente falando que funciona, mas nem os tutoriais da internet me ajudaram. Se alguém tiver alguma dica… rs

Comments