Carlos Brando

Nome do Jogo

Coçando a sua própria coceira

tiny-town-funny-girl-scratching-head

O termo “coçar a sua própria coceira” já é usado a muito tempo pela comunidade de desenvolvedores de projetos open source. Isto significa que eles estão constantemente resolvendo seus próprios problemas.

Conforme eu já mencionei em um artigo anterior, programar é difícil. Sim, programar envolve assumir um série de responsabilidades e atividades que podem tornar o ato de codificar muito estressante. Durante o desenvolvimento de um software é comum aparecerem situações que exijam uma tomada rápida de decisão. Quantas linhas o usuário deverá visualizar por vez? Azul ou vermelho? Apagar o registro ou apenas marca-lo como apagado?

Afim de agilizar o desenvolvimento muitas vezes o programador decide por tomar estas decisões, e só delega esta responsabilidade ao cliente quando a questão é realmente séria. Cada decisão tomada pelo desenvolvedor se torna um novo débito no software, como uma bomba-relógio que pode explodir a qualquer momento. Ter conhecimento destas pequenas armadilhas dentro do projeto torna o desenvolvimento estressante e pode tirar o prazer do programador em escrever códigos.

Programadores open source não passam por isto, porque eles estão “coçando a sua própria coceira”, eles estão resolvendo os problemas que eles mesmo tem. Ao tomar uma pequena decisão, eles não estão chutando, porque eles são os cliente e sabem exatamente o que é melhor para eles.

Programar envolve tomar decisões o tempo todo. Quando temos um profundo conhecimento sobre a necessidade que o software está suprindo, e principalmente quando somos o nosso próprio cliente não precisamos nos preocupar com estes chutes, tomamos decisões de uma forma suave e isto torna o desenvolvimento mais ágil e prazeroso. É por isto que tanta gente passa o dia inteiro escrevendo código no trabalho e ao chegar em casa ainda senta na frente do computador para trabalhar em algum projeto open source, é um exercício de relaxamento.

É possível levar esta experiencia para o trabalho, mas para que isto aconteça é necessário que você domine completamente o negócio da sua empresa. Entenda porque está escrevendo cada uma da funcionalidades do software em que está trabalhando. Entre de cabeça no trabalho que está realizando, torne-se o seu próprio cliente e comece a coçar a sua própria coceira.

Não importa se você está programando em Ruby, C# ou Java. Se está usando Rails ou Django. O que importa é se você realmente entende o trabalho que está realizando e se está contente com o que está fazendo.

Comments